domingo, 15 de fevereiro de 2009

Charola templária e altares


(clicar na imagem para ver a 360º)




A primeira imagem dos anos 40 do Séc. XX, apresenta um altar no seio da Charola; um altar como qualquer altar actual, que se encontra em igrejas recentemente construídas ou recentemente adulteradas!

A segunda imagem, recente, apresenta um altar do Séc. XII.
Um altar que esteve durante algum tempo no seio da Charola, cópia (a data encontra-se inscrita na pedra - 1960, terceira imagem) do altar original, ou seja, existiu um altar idêntico a este aquando da fundação da Charola.
A quarta e quinta imagens, apresentam altar idêntico ao da segunda e terceira imagens, caracterizado como sendo um altar românico do Séc. XII.

Há contudo um detalhe interessante em relação ao altar original da Charola:
a mesa apresenta duas depressões em cunha...
De acordo com os Elementos de Archeologia e Bellas Artes:

Na época romana e gótica, embora não faltassem as criptas ou confissões, era o mais trivial depositar as relíquias em alguma cavidade aberta no suporte da mesa.
No entanto, as cavidades em cunha não se encontram no suporte da mesa, mas sim na própria mesa. Voltarei ao assunto.

2 comentários:

Maria Inês Teixeira de Queiroz Aguiar Marçalo disse...

GOSTEI DE SABER OS PORMENORES, OBRIGADA! MUITO INTERESSANTE O SEU SITE, PARABÉNS!
UM ABRAÇO DO PORTO MARIA INÊS.

Sigillum disse...

Muito obrigada Maria Inês

Volte sempre, um abraço